Pense nas Clemenules

Tenha um pomar sob seus pés. Por dois meses, entre meados de maio e meados de julho, basta dar uns passos para saborear a melhor tangerina do mundo.

Aqui cultivamos a Clemenules, fruta surgida em Nules, na Espanha, país que produz os melhores citros de mesas e onde ela é reconhecida como “La Reina de las Mandarinas”

Amanda e Lucas, munidos de alicates e sacolas de colheita, não pouparam sorrisos enquanto colhiam Clemenules. Ali mesmo, entre as árvores, saborearam algumas e depois do passeio pelo pomar, levaram outras para curtirem na Casinha, onde estavam hospedados.

Nem só de sabor vive a Clemenules. Por ser linda, também é bastante requisitada para selfies. E quem está em Pedras Rollantes tem todos os pomares e todas as hortas franqueadas para consumo e deleite dos olhos.

Para ser considerada a Rainha das Tangerinas, a Clemenules precisa ser melhor que outras variedades em quesitos como doçura, acidez, formato, cor, quantidade de suco, etc. Foram este predicados que nos levaram a plantar dois pomares em Pedras Rollantes, que somam quase 800 árvores. O sorriso da Lu antecede o momento de degustá-las.

Outra delícia que a Clemenules dá para quem vem aqui é o chá preparado a partir da infusão de suas folhas, que os hóspdes mesmos podem recolher nos pomares. Além de saborearmos este chá saboroso, saudável e aromático, também preparamos geleias, licores, bolos e até refeições salgadas com a fruta.

Além das Clemenules, quem passa uns dias em Pedras Rollantes também pode desfrutar de laranjas, de outras tangerinas e do limão siciliano, que o Eduardo, que os recebe nos Estúdios Enxaimel, namora com orgulho de produtor.

Costumamos dizer que a Clemenules de Pedras Rollantes é uma “fruta que nunca acaba”. A safra é curta, vai do final de maio até meados de julho, mas com ela, nós e amigos, preparamos diversos produtos que fazem com que seu sabor tenha sobrevida em muitas embalagens. Tem geleia, licor, kombucha, suco sem adição de mais nada e até cerveja.

A cerveja quem faz é a Unika, de Rancho Queimado, numa aliança que já dura sete anos. O vídeo produzido pela Crayon Criativa, que você pode assistir ao clicar na imagem acima, mostra o Mestre Cervejeiro Vini numa de suas visitas à Pedras Rollantes para acompanhar nossos processos de cultivo e conhecer mais da fruta e de nossa história com ela.

Para saber bem mais sobre a Clemenules de Pedras Rollantes, é só tocar na imagem acima que você sera levado ao site de nossas frutas. Lá poderá saber como e quando ela surgiu e até o motivo de seu nome. Verá como a conduzimos, como medimos seus predicados e saberá como se dá a certificação orgânica,

O site também apresenta algumas receitas com a Clemenules e explica como vovê poderá recebê-la em casa durante a safra.

Onde estamos e quem somos

A Pousada faz parte do Sítio Pedras Rollantes, onde também produzimos citros sob condução orgânica certificada. São 28 hectares, ou 280 mil metros quadrados, com apenas cinco unidades autônomas e independentes.

 

A estadia mínima preferencial é de duas noites, os horários são super flexíveis, crianças até 12 anos é grátis, pets são muito bem-vindos e nós entregamos os alimentos para que os hóspedes preparem todas as suas refeições. Elas podem ser feitas tanto nas cozinhas completas de cada uma das unidades como nas cozinhas ao ar livre.

Chegar em Pedras Rollantes é muito fácil. São apenas 100 km entre Florianópolis e Alfredo Wagner, pela rodovia BR 282, estrada ladeada por paisagens de tirar o fôlego. O portão que dá acesso às Casa está a 2,7 km do centrinho da cidade e o dos Estudios, apenas 4,3 km. Ambos os caminhos são estradas boas em qualquer clima e para qualquer tipo de automóvel. É perto do centro e longe do agito.

Eduardo, que recebe nos Estúdios, Lu e Tarcísio, que recebem nas Casas.

Nós moramos aqui e somos nós mesmos que recepcionamos e atendemos os hóspdes nas suas necessidades durante as estadias. O Eduardo mora no andar superior da Casa Enxaimel e recebe quem vem para os Estúdios. A Lu e o Tarcísio, que moram na casa verde que está na foto anterior, recebem e cuidam de quem vem para ficar em uma das Casas

“Pense em Pedras Rollantes quando pensar… ”

nas estrelas
no friozinho
nas Clemenules
num vinho
nas crianças
nos pets
nos amigos
num rio
na amplidão
no trabalho remoto
em tudo isto e mais um pouco

Navegue por todo o site:

As Casas – Os Estúdios – Delicatesse – TV Pedras Rollantes – O Sítio – Contato

Até breve