Na Pandemia

Tempos difíceis, né? Jamais, em tempo algum, nem nós nem vocês imaginávamos que poderíamos passar pelo que toda a humanidade está passando desde o começo deste ano. Todas as rotinas foram alteradas, todos os planos tiveram que ser refeitos e muitos sonhos e desejos simplesmente foram perdidos ou adiados para nem se sabe quando.

Aqui em Pedras Rollantes não foi diferente. Sim, estamos em uma situação até certo ponto privilegiada em relação a muitas outras pessoas. O ambiente aqui nos é favorável ao isolamento social e também não sofremos com o estresse provocado pelos inevitáveis encontros em bairros e cidades maiores. E torcemos muito que vocês estejam bem e passando por este perrengue sem maiores sobressaltos.

Em 15 de março nos despedimos dos últimos hóspedes da Pousada e dos últimos visitantes do Café no Sítio e permanecemos fechados até o final de setembro. Não esperávamos que fosse tanto tempo, e como a Pousada é nosso meio de vida, nos vimos praticamente forçados a reabri-la. E para isto, pela primeira vez, Pedras Rollantes terá regras de conduta estabelecidas.

Costumávamos dizer que “aqui pode quase tudo e que o quase ainda não havia sido alcançado”. O que demonstra que quem vem para cá se integra ao nosso modo de viver e de ver a vida. Mas agora teremos algumas regrinhas.

Nós vamos nos ver e conversaremos mantendo o distanciamento e a segurança exigidas por este momento sui generis, mas por enquanto não será possível, por exemplo, recebe-los dentro de nossas casas, como acontecia com muitos que já estiveram aqui. Paciência, é por um bom motivo, né?  

Então, segue o que criamos para a segurança de todos nós e que precisa de sua concordância para concluirmos a sua solicitação de reserva.

Estadia:

O período mínimo de estadia passa a ser de duas noites.

Motivo: é que as unidades passarão por uma mini quarentena de pelo menos 48 horas após a saída de hóspedes, sem que ninguém, nem nós, adentremos na Casa ou no Estúdio. Após este tempo precisamos fazer a limpeza, arrumação, montagem e higienização dos ambientes antes que eles estejam próprios para receberem quem está para chegar.

Em compensação, os valores para as noites adicionais, além da segunda, são substancialmente mais em conta, o que facilita também usar nosso “lugarzinho” como um local seguro para se manterem afastados dos riscos de contágios.

Mini quarentena:

Ninguém entra na unidade por dois dias depois que os hóspedes fecham a porta para voltarem para as suas casas.

Motivo: tudo sobre o coronavirus é muito novo ainda e os estudos sobre o tempo de atividade do vírus em ambientes e superfícies ainda não são conclusivos. Pesquisas recentes mostram que partículas ativas foram detectadas em cantinhos mal ventilados em restaurantes analisados, por exemplo. O Centro de Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC), acredita que 24 horas é tempo suficiente para um vazio sanitário em ambientes que podem ter sido usados por pessoa que foi exposta ao vírus, enquanto o CDC europeu fala em três horas.

Mas nós vamos dobrar o tempo seguro indicado pelos cientistas norte-americanos e deixar os ambientes por 48 horas sem que ninguém entre nele. Mais abaixo, no item “Ao deixar Pedras Rollantes”, está o nosso pedido para a sua participação no esforço de fazer daqui um local extremamente seguro neste sentido.

Asseio

Passadas as 48 horas, período que com a ajuda dos hóspedes que saíram por último da unidade, que a deixaram em condições de boa ventilação, nós entramos para fazer a limpeza, a arrumação e a higienização.

O trabalho é feito com todos os EPIs recomendados e com produtos de eficácia e qualidade comprovada. O método de trabalho segue o “Manual de higienização do Airbnb”, minucioso documento editado pelo plataforma mundial de hospedagens, com base nos protocolos do CDC dos EUA e finalizado com consultoria de órgãos especializados nas áreas de sanitização e medicina, como ECOLAB e Diversey, e aprovado pelo Dr. Vivek Murthy, ex-cirurgião geral dos EUA. Este é o documento mais completo dedicado aos meios de hospedagens que conseguimos ter acesso até o momento.  

Segurança nas unidades:

Casa unidade contará com um kit com os produtos básicos para a higienização pessoal e do ambiente.

Ele é composto de álcool em gel 70%, sabão em barra para a higienização das mãos, álcool líquido 70% em borrifador para higienização de superfícies e uma máscara para cada hóspede, embaladas individualmente.

Solicitamos que a máscara seja usada sempre que houver aproximação entre nós e vocês. Não há necessidade de uso de máscara em seus passeios pelo sítio, mas pedimos que as levem consigo e as usem quando houverem encontros com outros hóspedes.

Áreas comuns

Todas as áreas comuns em Pedras Rollantes são ao ar livre, o que, por si só, já é uma garantia de alto nível de segurança em relação a contágios pelo ar.

Em todas as áreas comuns haverá disponibilidade álcool em gel, inclusive nas duas cabeceiras da ponte. Na “Cozinha ao Ar Livre” haverá também álcool líquido em borrifador, mais os produtos para a limpeza e a higienização completa e segura de todos os utensílios e guarnições disponíveis.

No caso de haver mais de uma unidade em uso durante a sua estadia, solicitamos que faça pedido de reserva de horário para o uso da “Cozinha ao Ar livre”. Se estiverem sozinhos na Pousada, ela é toda sua quando desejar. Após o uso, solicitamos que os utensílios sejam higienizados a ponto de estarem disponíveis para uso seguro por quem queira utilizá-la posteriormente.

Antes de virem

Estamos perto. Do litoral até aqui são apenas 100km em uma viagem de, no máximo, duas horas por uma estrada muito bonita.

Como sugestão, pedimos que coloquem combustível naquele posto que é de sua confiança e em quantidade suficiente para não precisar abastecer no caminho. Já nos assustamos com o desleixo com que alguns postos da estrada tratam a pandemia em curso. Se precisarem fazer compras para trazerem as suas guloseimas preferidas, que o façam também com antecedência e naqueles estabelecimentos que confiam para as suas compras habituais.

Também pedimos que nos avisem quando estiverem saindo de casa, assim teremos noção bem aproximada do horário de sua chegada para que tudo esteja em seu lugar dentro das unidades, inclusive os alimentos. Assim já podem preparar um lanchinho na chegada e evitar uma parada no caminho.

Alfredo Wagner

Desta vez não vamos incentivar passeios pela cidade nem a visita a lugares legais que tem aqui por perto.

Se precisarem de algo da cidade que pode ser feito por nós, iremos à Praça com o maior prazer. Mas se for algo que não podemos fazer, pedimos para conversarmos antes de irem, para que possamos sugerir locais e horários mais seguros na cidade.

Os índices de contaminações estão elevados, não param de subir e, como acontece em quase todos os lugares do Brasil, os cuidados estão sendo deixados de lado gradativamente.

Alimentos:

A estadia continua com a entrega da cesta de alimentos, que será ampliada em quantidade.

Se você já esteve aqui, sabe que todas as unidades contam com copa e cozinha completas e que a cesta de alimentos possui itens em quantidade suficiente para que os hóspedes preparem todas as suas refeições pelo período da estadia, a exceção de carnes.  

Com uma quantidade maior de alimentos disponíveis, os nossos contatos para reposição de itens são reduzidos, o que é mais um fator de segurança. Mas se precisar de algo, é só pedir.

Todos os itens não perecíveis que compõem a cesta de alimentos serão adquiridos com antecedência e mantidos em “quarentena” pelo prazo suficiente estipulado por estudos científicos disponíveis. Os itens perecíveis passarão pela mesma higienização dada àqueles que adquirimos para o nosso próprio consumo. 

Ao deixarem Pedras Rollantes

Agora um pedido especial:

Como as unidades passarão pela mini quarentena após nos deixarem, precisamos de sua ajuda nos seguintes itens para que tudo fique bem legal dentro delas.

Roupa de cama: que retire a roupa de cama, inclusive as fronhas, e as coloquem no cesto que será disponibilizado para cada unidade.

Guarnições de banho: que o que for usado seja pendurado nos varais que estarão à disposição.

Lixo: que todo o lixo, inclusive o orgânico, seja retirado de dentro da unidade nos sacos disponibilizados, amarrados e colocados nos contentores que estão do lado de fora das unidades.

O que restou da cesta de alimentos: se gostou do queijo e do pão, por exemplo, e não consumiu tudo, pode levar. O mesmo vale para os demais itens que foram parcialmente consumidos. Mas se preferir deixá-los, destine-os ao lixo orgânico e lave a vasilha e a louça utilizada para que não apareçam os bichinhos que gostam de comida ou que provocam odores desagradáveis.

Máscaras: se abriram a embalagem das máscaras que deixamos para vocês, que as levem consigo. Caso contrário é só as deixar na unidade.

Louças e talheres: que deixe as louças e os talheres lavados e dispostos sobre um pano em cima da pia ou, sendo nas Casas, basta passar uma água e deixá-los de molho com um pouco de detergente na bacia que está no armário da cozinha.

Janelas e porta: que deixem pelo menos duas janelas abertas ou semiabertas para que haja boa circulação de ar enquanto a unidade passa pela mini quarentena. Que feche a porta e deixe a chave pelo lado de fora.

Dicas: para reforçar estes pedidos, tem um lembrete dentro da unidade com estes mesmos pontos, e mais uma fichai de papel e caneta, para que deixem ali suas sugestões ou dicas para melhoramentos no sentido de minimizarmos os riscos em relação a pandemia que nos assola.

Um presente

Ao chegarem, encontrarão um livro amarrado com uma fita vermelha.

É um presente, pode levar. O exemplar é um dos diversos livros que editamos quando tínhamos a Tempo Editorial, onde nos dedicávamos a produção e edição de livros de arte.

Levem junto com ele todo o nosso carinho, respeito e agradecimento por acreditarem que aqui poderão passar uns dias em segurança em relação a esta chata pandemia que não quer ir embora.

O que mais mudou e o que não mudou

Implementamos uma novidade bem legal: os valores para reservas simultâneas da Casa da Cama e da Casa Torta, ou os dois Estúdio Enxaimel, unidades que ficam próximas umas das outras e que permitem a confraternização entre familiares ou amigos que já convivem juntos e em segurança, são, proporcionalmente, bem menores.

Vale a pena convidar um casal de amigos ou até trazer os filhos para serem vizinhos e conviverem um tempo afastados dos riscos de contágios e para recarregarem as energias entre o verde, as águas do rio e o ar puro.

E todos aqueles mimos que fazem da estada em Pedras Rolantes uma experiência inigualável, permanecem. E entre eles estão:

  • Cesta de alimentos para que os hóspedes preparem todas as suas refeições pelo período da estadia,
  • Crianças até 12 anos é grátis
  • Horários de entrada e saída livres ou super flexíveis
  • Quanto mais tempo fica menos paga proporcionalmente
  • Pets liberados nas Casas e sob consulta nos Estúdios
  • Autonomia e independência em todas as unidades
  • Todas as áreas comuns são ao ar livre

Os valores para quem deseja ficar mais tempo, além das duas noites iniciais, caem bastante proporcionalmente, o que facilita para quem acha que aqui é um bom lugar para se manterem distantes da circulação do coronavírus. E para estadias de pelo menos uma semana, caem bem mais ainda.

E vale reforçar que as cinco unidades da Pousada Pedras Rollantes são autônomas e independentes e que todas as áreas comuns, a nós e aos hóspedes, são ao ar livre.

Contatos

Casas

Os contatos para reservar uma das Casas são com o Tarcísio ou com a Lu, pelo (48) 9 9189 9982. Para ver Casinha, a Casa da Cama ou a Casa Torta , clique em seus nomes.

Estúdios

Os contatos para reservar o Estúdio Nascente ou o Estúdio Poente são com o Eduardo, pelo (48) 9 9960 8899. Para ver os Estúdios Enxaimel clique em seu nome.